Search

Menu

Vertical Menu

Jarbas Comput@adores. Tecnologia do Blogger.

Archive

Me siga no Twiter

Me siga no Twiter
Sigo de volta @Radio_Tatuape
segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Primeiro filme colorido da história é visto pela primeira vez na Inglaterra

O filme colorido mais antigo do mundo foi assistido pela primeira vez nesta semana, na Inglaterra. Apesar da existência do filme, gravado pelo britânico Edward Raymond Turner em 1902, ser conhecida há algum tempo, foi apenas agora que se obteve sucesso em reproduzi-lo da maneira correta.
Entre o conteúdo gravado por Turner 110 anos atrás, há cenas de seus filhos brincando no jardim e uma arara equilibrando-se sobre um poleiro. De acordo com Bryony Dixon, curadora de filmes mudos do British Film Institute (BFI), a importância do filme de Turner está no processo de colorização. “Este é o primeiro filme naturalmente colorido da história. Na época, os produtores costumavam pintar e com o método de Turner as cores eram capturadas fotograficamente”, explicou.
O estranho formato do filme, no entanto, foi o responsável pela demora para assisti-lo. Em vez de 35mm, como é o padrão dos filmes atualmente, o filme de Turner tem pouco mais de 38 centímetros, tornando-o incompatível com os projetores comuns. Para dar conta disso, o Instituto encomendou uma peça específica para aceitar a gravação de Turner aos especialistas em equipamentos de cinema antigos Brian Pritchard e David Cleveland.
O mito do preto e branco
De acordo com Dixon, a gravação também é importante para acabar com o mito de que antigamente só havia filmes em preto e branco. Segundo ela, 80% dos filmes produzidos entre 1890 e 1920 eram coloridos deliberadamente. Foi com a chegada do som que o filme colorido foi abandonado, retornando pouco depois com o método Technicolor.
“No final da primeira década do século XX, franceses e americanos ganhavam as páginas dos jornais com seus métodos de filmagem e os britânicos eram movidos pela paixão pela invenção. Eles sabiam que filmes coloridos despertaria o interesse das pessoas e que o seu inventor teria um incentivo comercial”, explicou a curadora.
O inventor Edward Raymond Turner faleceu em 1903 por conta de um ataque cardíaco, um ano após registrar as imagens redescobertas agora. O filme foi restaurado pelo National Media Museum (Museu Nacional de Mídia), onde está sendo exibido atualmente pela primeira vez desde a sua gravação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Página Inicial

CONTADOR OFICIAL

Histats